Filiado à: FENAPRF

SINPRF

Font Size

SCREEN

Profile

Layout

Menu Style

Cpanel

Mentiras sobre os servidores públicos confundem a população

As mentiras que estão passando em todas as mídias sobre supostos privilégios previdenciários dos servidores públicos confundem a população.

 

 

O Governo Federal quer culpar os servidores públicos pela crise financeira do país, dizendo que os mesmos têm muitos privilégios e, por isso, devem ser cortados para equilibrar as contas públicas. Mas a verdade é que serão todos os brasileiros que pagarão a conta POR TODA A ROUBALHEIRA, exceto os que estão por trás de toda essa sujeira.

 

AS VERDADES:

 

1 - A contribuição mínima do servidor público é de 30 a 35 anos. Na iniciativa privada é de 15 anos.

 

2 - Para passar em um concurso público a disputa é muito acirrada e só passam os mais qualificados.

 

3 - A média dos salários dos servidores públicos é muito menor comparando com os profissionais da mesma área da iniciativa privada (ex: médicos, Professores, administrativos, etc.)

 

4 - Não existe excesso de servidor no Brasil, muito pelo contrário, há uma enorme defasagem em todas as áreas.

 

Os países com os maiores índices de desenvolvimento humano têm até 35% ou mais de servidores em suas populações (Noruega, Dinamarca, Finlândia, Suíça, Suécia...). Isso é lógico, lá não faltam médicos, professores, policiais, fiscais, etc.

 

Nos Estados Unidos são 21%.

 

No Brasil, o índice é de apenas 12%.

 

5 - A estabilidade do servidor é para proteger o Estado Brasileiro e não deixar o serviço público à mercê do governo da vez. Imagine se o governo controlasse a Lavajato.

 

6 - O servidor paga imposto previdenciário de 11% (estão querendo 14%) sobre o salário bruto. Podendo pagar até R$ 3.707,00.

 

O empregado da CLT paga de 8% a 11% em cima do teto do regime geral e não paga mais do R$ 600,00, mesmo se tiver salário muito alto.

 

7 - O Servidor público não recebe FGTS.

 

8 - Quase a totalidade dos servidores públicos tem dedicação exclusiva. Não podem ter empresas ou prestar serviços remunerados por fora.

 

Pense bem nisso. Não se deixe enganar.

 

OS VERDADEIROS CULPADOS PELO ROMBO NO BRASIL NÃO SÃO OS SERVIDORES E NEM A POPULAÇÃO EM GERAL.

 

NÃO VAMOS PAGAR ESSA CONTA.

ENDEREÇO E TELEFONES

Rua 32, nº 663, QD. A-20, Lote 20
CEP: 74.805-350 Jardim Goiás - Goiânia

Geral: (62) 3233.6502 / 6100

 

Secretaria:  (62) 9 9619.2834  -  VIVO
                   (62) 9 8280.5675  -  TIM
Financeiro:  (62) 9 9969.2509  -  VIVO
Gerência:    (62) 9 9653.7641  -  VIVO

 

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

De segunda a sexta-feira
das 08h às 17h

Não fechamos para almoço.